Logotipo
   
          home contactos
links
apresentação mandato composição presidente estrutura regulamento directivas
procurar
 

Sociedade Civil responde o apelo da CNE em participar na mobilização dos eleitores

22/06/2017

A Comissão Nacional Eleitoral, manifestou a sua intenção de reforçar a pareceria com as Organizações da Sociedade Civil na implementação do seu vasto programa de educação cívica eleitoral.

O desejo foi manifestado, pelo Presidente da CNE, André da Silva Neto, durante o encontro que manteve com estes indispensáveis agentes eleitorais. O mesmo teve como objectivo, aprimorar os actuais canais de diálogo; aprofundar as parcerias existentes; explorar novas formas de intercâmbio de ideias e solicitar o reforço do engajamento das Organizações Não Governamentais, na campanha de educação cívica eleitoral.

As Organizações da Sociedade Civil, jogam um papel muito importante e congregador de aspirações e vontades em prol não só das eleições mas também de outras acções incluindo o fortalecimento da paz, a consolidação da democracia, e do estado de direito, o desenvolvimento económico e social, a igualdade no género dentre outros.

Por isso Silva Referiu que o órgão que dirige, está disposto a ouvir, a aprender e a incorporar permanentemente as boas práticas, quer locais ou internacionais, para que as Eleições Gerais de 23 de Agosto, sejam um elemento fundamental da cultura da paz.

A CNE está preparada a todos os níveis para enfrentar os desafios vindouros, “Temos consciência de que não é uma tarefa fácil, dadas as múltiplas expectativas e interesses que geralmente giram em torno das eleições”, mas todavia, estamos abertos para informar, dialogar e a estreitar os laços comunicacionais com todos os actores eleitorais, (partidos políticos, candidatos, sociedade civil, meios de comunicação social, especialistas nacionais e internacionais) e todos aqueles, que no espírito da Constituição e da Lei, respeitem as dinâmicas, regras e os procedimentos pré-estabelecidos.

O Presidente de Direcção da Associação dos Motoqueiros Transportadores de Angola (AMOTRANG), Bento Rafael, garantiu que a Organização que dirige, vai auxiliar a CNE de forma gratuita na transportação de materiais e dos agentes que vão mobilizar os eleitores nas comunidades onde não podem chegar outros meios rolantes.

O Vice-presidente do Conselho Nacional da Juventude, Massangano Domingos, disse que, o CNJ, definiu como palavras de ordem das suas tarefas cívicas e eleitorais, a cidadania e o patriotismo, para mobilizar o cidadão eleitor a ir às urnas, mas apelam a CNE para que os ajude no fornecimento de material de apoio técnico (cartilhas, manuais e legislação) para que possam passar a mensagem das Eleições as zonas mais recônditas do país.

Regozijado pelo encontro realizado pela CNE, o Presidente da Associação dos Estudantes das Universidades Privadas de Angola, Jofre dos Santos, afirmou que a sua organização já tem realizado actividades de mobilização dos jovens para que de forma activa participem da festa das eleições, votando “Pela Paz e Pela Democracia”, para manutenção da reconciliação nacional.

 

 
 
07/07/2017 - Formadores nacionais iniciaram formação para membros das mesas de voto

09/07/2017 - Manual dos MAV e critérios para a sua selecção aprovados pelos membros da CNE que também entregaram cópia do mapeamento aos partidos

06/07/2017 - Segurança nas Eleições garantida pelo Ministro do Interior

06/07/2017 - CNE exige transparência na gestão da verba atribuída aos concorrentes às Eleições de 2017

04/07/2017 - Membros de nove CPE’s empossados em Luanda

04/07/2017 - Plenário aprova entidades a convidar para observar o processo eleitoral

04/07/2017 - Empresa Deloitte será convidada a fazer auditoria ao Ficheiro Informático dos cidadãos

22/06/2017 - Sociedade Civil responde o apelo da CNE em participar na mobilização dos eleitores

21/04/2017 - Agentes de Educação Cívica Eleitoral no Bié já realizam actividades

20/06/2017 - CNE garante diálogo permanente com as Igrejas neste processo eleitoral

última
Última Segurança nas Eleições garantida pelo Ministro do Interior  
Membros de nove CPE’s empossados em Luanda
 
Plenário aprova entidades a convidar para observar o processo eleitoral
 
 
actualidade
Última CNE exige transparência na gestão da verba atribuída aos concorrentes às Eleições de 2017  
Empresa Deloitte será convidada a fazer auditoria ao Ficheiro Informático dos cidadãos
Sociedade Civil responde o apelo da CNE em participar na mobilização dos eleitores
 

agenda

visitas

actividades

 
aestórias

Estórias

CNE - Comissão Nacional Eleitoral - Todos os Direitos Reservados - Design: CNE ©2007